DOCUMENTOS IMPORTANTES para DOWLOADS

O que é a CASA DO ARTISTA RIOGRANDENSE:
Conforme o estatuto, art 1° e 2°, "sociedade civil de direito privado, sem fins lucrativos, retiro destinado aos artistas necessitados, impossibilitados pela idade ou por motivo grave de prover o próprio sustento, dando-lhes abrigo, alimentação e condições dignas de sobrevivência, dentro das possibilidades da entidade".

DOCUMENTOS para DOWLOAD (clique nos links para abrir)
Casa do Artista PROJETO BASE
Estatuto da Casa do Artista Riograndense
Autorização para Débito em Conta Banrisul
Planta de Situação
Planta de Cortes
Planta de Fachadas
Declaração de Utilidade Pública Municipal
Diário Oficial da Declaração de Utilidade Pública Municipal
VISÃO DA DIRETORIA - Mostrar dedicação e persistência na melhoria da Casa do Artista Riograndense, mudando a injusta realidade atual, buscando construir um novo modelo de sobrevivência auto-sustentável.
Veja mais fotos e publicações recentes acessando: Facebook da Casa do Artista

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Projeto Artistas Conectados - Apoio: Corag

Como objetivo geral se tem capacitar os moradores da Casa do Artista Rio-grandense para uso das novas tecnologias digitais, buscando integrá-los a este meio de comunicação, visando assim sua possível reinserção no mercado de trabalho das artes. Além de levar este tipo de atividade também para a comunidade local, buscando integração desta com a casa.

Com o aprendizado destas linguagens, os moradores estarão mais aptos a divulgar e assim preservar a memória histórica e cultural da casa, no que tange ao trabalho realizado por estes artistas no passado. A comunicação através de redes sociais, blogs informativos e de divulgação e alternativa para ocupar o tempo ocioso dos moradores podendo trazer-lhes novas perspectivas quanto a seu trabalho são os pontos mais visados, tendo em vista a vontade de muitos de continuar atuando de alguma forma no campo das artes.
Teremos monitores capacitados para que se ministrem oficinas e vamos adquirir equipamentos de informática (computadores - CPU/Teclado/tela/Mouse - noteboock, impressoras, caixas de som, microfones, Web Cam), mesas e cadeiras.
Vislumbramos a manutenção histórica de uma cultura regional, de nossas “bibliotecas vivas”, homens e mulheres, trabalhadores das artes que carregam mais que as dificuldades inerentes a uma sociedade que não está preparada para atender qualificadamente a geração da “terceira idade”. A chamada “melhor idade” é prioridade (Lei 10.741/2003 – Estatuto do Idoso) conforme seu artigo terceiro:
“É obrigação da família, da comunidade, da sociedade e do Poder Público assegurar ao idoso, com absoluta prioridade, a efetivação do direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, à cultura, ao esporte, ao lazer, ao trabalho, à cidadania, à liberdade, à dignidade, ao respeito e à convivência familiar e comunitária.”
apoio: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário